Arquivo da categoria: Geografia do Turismo

GEOGRAFIA DO TURISMO: Horários de partida de ônibus da Rodoviária de Lavras do Sul (dados de agosto de 2021)

OBSERVAÇÕES

Informações atualizadas em 29/08/2021. Agradecemos ao sr. Valdenir Alves, da Rodoviária de Lavras do Sul, que gentilmente nos repassou a tabela acima.

Em caso de informações incorretas, entre em contato com o Panorama Lavrense. E, para informações detalhadas sobre as linhas, ligue para 55 3282 1777 ou visite a Estação Rodoviária de Lavras do Sul, na Av. Cel. Galvão, junto ao Posto Cantarelli.

Informamos ainda que as linhas e trajetos podem sofrer atrasos, por conta de condições das estradas, eventos climáticos e imprevistos.

Assim que possível, em setembro de 2021, divulgamos os horários de ônibus de destinos até Lavras do Sul.

SITES

Ouro e Prata: https://www.viacaoouroeprata.com.br/site/

São João: http://onibus.saojoaotransportes.com.br/#

GEOGRAFIA DO TURISMO: Modalidades de Turismo e exemplos possíveis em Lavras do Sul

Lavras do Sul pode ter diversas finalidades turísticas, a partir das novas tendências do turismo pós-pandemia. Confiram nos tópicos a seguir.

Turismo de Aventura: é aquele composto pela utilização consciente e sustentável da natureza para esportes como alpinismo, exploração de cachoeiras, cursos d’água, estradas de chão e outros.

Exemplos lavrenses: Regiões do Rio Camaquã e Cicloturismo (passeios de bicicleta).

Turismo Cultural: Que mostra um pouco da história do município, prédios, arquitetura, mostra dos elementos típicos locais.

Exemplos lavrenses: Residências do centro de Lavras do Sul, Museus como a Casa de Cultura José Néri da Silveira, Clube Comercial.

Turismo religioso: associado às religiões, Igrejas, cultos, grutas e atividades sacras.

Exemplos lavrenses: Monumento à Santo Antônio, Gruta Nossa Senhora de Lourdes, Igreja Matriz de Santo Antônio, Igrejas Evangélicas, Centros Espíritas.

Turismo de eventos: Baseado em eventos, como de agronegócio, culturais, lazer, etc.

Exemplos lavrenses: Carnaval, Eventos da Temporada de Verão, ExpoLavras, Ourodança, Semana Farroupilha e outros.  

FOTO: Rónai Rocha

Turismo Gastronômico: Baseado na culinária local.

Exemplos lavrenses: Culinária local de pratos campeiros, restaurantes, Sabor da Terra, Café Campeiro.

Turismo Rural: em fazendas, chácaras, sítios e estâncias, com os costumes da zona rural. Contato direto com a natureza e o meio rural.

Exemplos lavrenses: lida do gado, hospedagem na zona rural, Ibaré.

Turismo de temporada: em certa época do ano, com diversas opções a partir de um período climático.

Exemplos lavrenses: Praia do Paredão, que recebe lavrenses e visitantes todos os anos, entre dezembro e março. Apresenta estrutura para camping e cabanas.

Turismo de negócios: vinda de turistas para eventos relacionados a atividades econômicas.

Exemplo lavrense: Remates de agronegócio no Parque de Exposições do Sindicato Rural de Lavras do Sul.

FONTE: Chaleco Lopes / Sindicato Rural de Lavras do Sul

Existem muitas outras opções e atrações em Lavras do Sul. Estes foram só alguns dos exemplos. 

A educação turística para as gerações futuras é essencial. Pesquisado e conhecendo a sua cidade, vocês vão poder apresentar o seu município, reconhecê-lo melhor as suas qualidades, promover a melhoria de problemas urbanos e rurais e ter orgulho e pertencimento à sua terra.

Todas as fotos, exceto as com legendas do nome do autor, são de fonte de Murilo de Carvalho Góes. Murilo autoriza a utilização livre das imagens, é só citá-las (no caso de utilização em outros sites).

BÔNUS: Mais fotos.

GEOGRAFIA DO TURISMO: Modalidades de Turismo e exemplos possíveis em Lavras do Sul

Lavras do Sul pode ter diversas finalidades turísticas, a partir das novas tendências do turismo pós-pandemia. Confiram nos tópicos a seguir.

Turismo de Aventura: é aquele composto pela utilização consciente e sustentável da natureza para esportes como alpinismo, exploração de cachoeiras, cursos d’água, estradas de chão e outros.

Exemplos lavrenses: Regiões do Rio Camaquã e Cicloturismo (passeios de bicicleta).

Turismo Cultural: Que mostra um pouco da história do município, prédios, arquitetura, mostra dos elementos típicos locais.

Exemplos lavrenses: Residências do centro de Lavras do Sul, Museus como a Casa de Cultura José Néri da Silveira, Clube Comercial.

Turismo religioso: associado às religiões, Igrejas, cultos, grutas e atividades sacras.

Exemplos lavrenses: Monumento à Santo Antônio, Gruta Nossa Senhora de Lourdes, Igreja Matriz de Santo Antônio, Igrejas Evangélicas, Centros Espíritas.

Turismo de eventos: Baseado em eventos, como de agronegócio, culturais, lazer, etc.

Exemplos lavrenses: Carnaval, Eventos da Temporada de Verão, ExpoLavras, Ourodança, Semana Farroupilha e outros.  

FOTO: Rónai Rocha

Turismo Gastronômico: Baseado na culinária local.

Exemplos lavrenses: Culinária local de pratos campeiros, restaurantes, Sabor da Terra, Café Campeiro.

Turismo Rural: em fazendas, chácaras, sítios e estâncias, com os costumes da zona rural. Contato direto com a natureza e o meio rural.

Exemplos lavrenses: lida do gado, hospedagem na zona rural, Ibaré.

Turismo de temporada: em certa época do ano, com diversas opções a partir de um período climático.

Exemplos lavrenses: Praia do Paredão, que recebe lavrenses e visitantes todos os anos, entre dezembro e março. Apresenta estrutura para camping e cabanas.

Turismo de negócios: vinda de turistas para eventos relacionados a atividades econômicas.

Exemplo lavrense: Remates de agronegócio no Parque de Exposições do Sindicato Rural de Lavras do Sul.

FONTE: Chaleco Lopes / Sindicato Rural de Lavras do Sul

Existem muitas outras opções e atrações em Lavras do Sul. Estes foram só alguns dos exemplos. 

A educação turística para as gerações futuras é essencial. Pesquisado e conhecendo a sua cidade, vocês vão poder apresentar o seu município, reconhecê-lo melhor as suas qualidades, promover a melhoria de problemas urbanos e rurais e ter orgulho e pertencimento à sua terra.

Todas as fotos, exceto as com legendas do nome do autor, são de fonte de Murilo de Carvalho Góes. Murilo autoriza a utilização livre das imagens, é só citá-las (no caso de utilização em outros sites).

BÔNUS: Mais fotos.