GEOGRAFIA: Topografia e Relevo de Lavras do Sul

Serra do Ibaré – 2008


Com relação às altitudes dentro de sua superfície, Lavras do Sul apresenta cotas, na sua metade centro-oriental, com números que variam entre 200 e 450 metros em relação ao nível do mar. A sede do município está situada numa média de 300 metros (277 metros junto às margens do Arroio Camaquã das Lavras, e entre 320 e 380 metros, nos pontos mais elevados, como na Avenida Cacildo Delabary, nos altos da Vila da Olaria e junto ao Sindicato Rural, na saída para São Gabriel e o Distrito do Ibaré. Sobre o mesmo, podemos constatar uma altitude média de 250 metros.

Nos setores norte e sul da porção centro-oriental, há um extenso planalto, com diversos cerros e morros. As maiores elevações encontram-se nessa região.

Em Lavras, podemos notar uma relevante observação geográfica: entre o Ibaré e a Sede existe um divisor natural de águas entre as bacias hidrográficas do Camaquã (integrantes do sistema Sudeste [ou Atlântico]) e do Santa Maria (integrante da bacia do Uruguai, inserida no sistema hidrográfico do Estuário do Prata). Nesta área, com média de 350 metros de altitude, além de belas formações rochosas, bastante antigas e erodidas, podemos encontrar diversas fazendas, utilizadas principalmente para a criação de gado.

Nos extremos ocidentais do município (meandros do Rio Santa Maria – Passo da Santa Maria –, na divisa com Dom Pedrito) as altitudes já se apresentam bem mais modestas – cerca de 120 a 130 metros. No extremo ocidental (divisa com Caçapava) a média é de 215 metros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *